ÁREA DO CLIENTE

Zabbix Proxy 3.4 no PFSense

Temos orgulho em ser a primeira empresa no mundo a viabilizar a utilização do Zabbix Proxy 3.4 com o PFsense para a comunidade de software livre.

Uma das características que vem marcando o fantástico NMS Zabbix é a velocidade de sua adoção no Brasil. Claro que podemos ainda citar sua alta qualidade, versatilidade, escalabilidade dentre outras coisas mais. Mas, o que este post vem chamar a atenção é quanto ao quesito “Liberação de versões” .

A Zabbix SIA, mantenedora do software, vem em um ritmo de desenvolvimento que deixa muitas empresas de queixo caído de uns tempos para cá. Embora isso seja algo muito positivo,  faz com que outras empresas menores que entregam o Zabbix como parte de suas soluções, não consigam acompanhar e se manterem tão atualizadas.

Isso gera um retardo na adoção da nova versão do sistema e utilização dos novos recursos disponíveis. Incapacitando inclusive que empresas possam realizar a atualização de suas bases de produção.

Mas o que é o Zabbix exatamente?

Você pode conhecer um pouco mais sobre o sistema de gerenciamento de redes Zabbix aqui em nosso site.

Por que este esforço

Este trabalho patrocinado pela Verdanatech tomou como iniciativa o investimento em gerar binários do sistema em sua versão atualizada (3.4) para o sistema de Firewall PFSense, produto que também utilizamos como solução em nossos clientes e prestamos consultoria em implantação.

O PFSense já distribui o Zabbix Proxy por meio dos repositórios do FreeBSD e do próprio projeto PFSense porém, a versão dos binários ainda estão na versão 3.0 e ainda não encontramos informações de quando será liberada a vesão do zabbix proxy 3.4 para o PFSense, ou mesmo se esta será liberada de fato.

Sendo o Zabbix uma das especialidades da Verdanatech,  estarmos atualizados com as novidades do sistema e tornarmos isso algo acessível para a comunidade de software livre, vai de encontro a nossa Estratégia de Negócios .

Como instalar o Zabbix Proxy 3.4 no PFSense

De forma simples, explicaremos o básico sobre a arquitetura do sistema usando o conceito de Gerenciamento de Rede. Podemos afirmar que a arquitetura do sistema Zabbix se divide em basicamente 3 partes:

Gerente

Responsável por centralizar o gerenciamento da rede.

Esta parte trata-se do Zabbix Server. Onde também está incluso uma interface web que interage diretamente com os binários do Server e com o banco de dados. Mas isso é assunto para um outro momento devido ao nível de detalhes.

Agente

Os agentes são responsáveis por permitir a extração de dados de ativos de rede (switch, roteador, servidor, etc ). Hoje, o principal protocolo de rede é o protocolo SNMP (Simple Network Manage Protocol / Protocolo Simples de Gerenciamento de Redes). Mas o SNMP possui algumas limitações e fica totalmente restrito a implantação desenvolvida pelos fabricantes dos ativos.

De forma a contornar essa limitação importa pelo SNMP e demais protocolos, o Zabbix oferece um Agente a ser instalado em Sistema Operacionais como GNU/Linux ou qualquer outro Unix-LIKE, MAC OS e Windows. Isso permite a total coleta de dados que se faça necessário. Dando asas a imaginação de administradores de rede sem que haja qualquer limite para aplicação e utilidade do sistema.

Proxy

A utilização do Proxy lhe permite distribuir a carga de trabalho e contornar diversos problemas de infraestrutura e organização do ambientes de redes mais complexos. Com sua utilização, é possível trabalhar com redes distribuídas geograficamente sem a perda de interatividade entre Gerentes e Agentes por conta de deficiências entre protocolos e a própria internet. Além é claro, de permitir também o tráfego de informações de forma segura e criptografada entre as pontas de rede.

É justamente na distribuição do monitoramento que se concentra a justificativa deste projeto. Sendo o PFSense uma solução de borda de rede, nada mais simples que o Zabbix Proxy rode nele, evitando a necessidade de termos mais um ativo de rede a gerenciar apenas para execução deste processo.

O que foi feito pela Verdanatech

O esforço que a Verdanatech teve para viabilizar a utilização do Zabbix Proxy 3.4 no PFSense foi mínima, se comparado ao grandioso esforço da Zabbix SIA em criá-lo e da comunidade de software livre em utilizar as versões de teste e auxiliar na melhoria do ambiente.

Nós apenas geramos o binário a partir do código fonte disponibilizado pela Zabbix SIA e criamos o instalador para automatizar todo o processo para os usuários com menos experiência.

Licença de uso do projeto

Todo este projeto foi desenvolvido pela Verdanatech para uso em nossos processos de trabalho e para beneficiar a comunidade de software livre que utiliza-se da solução Zabbix.

O projeto e códigos desenvolvidos pela Verdanatech Soluções em TI estão licenciados pela GPL. Os demais softwares seguem as licenças de seus desenvolvedores e podem ser utilizados de forma livre por qualquer usuário e para qualquer fim, seja ele comercial ou não.

Garantia e suporte da solução

Empresas que desejem suporte no projeto, atualizar seu parque para a mais nova versão do sistema Zabbix ou ainda contratar consultoria em Gerenciamento de Redes e restruturação do ambiente de monitoramento podem contatar-nos diretamente para isso através de nossa página de contato.

O suporte não oficial as nossas soluções são realizados de forma voluntária por nossos colaboradores sem estabelecer qualquer vínculo comercial ou obrigatório com a Verdanatech.

  • A Verdanatech Soluções em TI não se responsabiliza por qualquer erro ou perda de informação durante a utilização da solução.
  • A Verdanatech Soluções em TI restringe o suporte e apoio comercial apenas a Clientes que possuam contrato de prestação de serviço formalmente assinados.
  • A Verdanatech Soluções em TI permite e incentiva todos seus colaboradores a prestarem auxílio a comunidade de software livre em caráter não obrigatório porém, as ações e resultados ocasionados a terceiros não  podem ser computados à responsabilidade da Verdanatech Soluções em TI.

Procedimento de instalação

Nosso objetivo principal foi deixar o projeto o mais simples possível para que usuários sem muito conhecimento técnico consiga utilizá-lo sem qualquer dificuldade.

A seguir, temos um passo a passo para que você possa utilizar o projeto.

Pré-requisitos

Você deve possuir um UTM Firewall PFSense na versão 2.3.4 instalado e com acesso a internet.

Será necessário ainda o acesso ao prompt de comandos, seja ele diretamente no console do equipamento por meio de um monitor e teclado ou via rede, por meio do protocolo SSH ().

Passo 1

Acesse o prompt de comando do seu PFSense (leia os requisitos) e, após autenticar-se, selecione a opção “8” para ter acesso a linha de comandos.

zabbix proxy 3.4 - tela de login do pfsense

Passo 2

Estando logado no firewall, baixe o instalador “pfzp34.sh”, adicione privilégio de execução ao instalador e execute-o:

zabbix proxy 3.4 - baixar e instalar zabbix proxy no pfsense

A execução do script inicializará logo após a tela de saudação e pode demorar alguns minutos, dependendo da sua conexão com a internet:

zabbix proxy 3.4 - tela do instalador do zabbix proxy no pfsense

Por fim, será exibida a mensagem de que o processo foi finalizado:

zabbix proxy 3.4 - tela de fim da instalação

Passo 3

A validação da versão do Zabbix Proxy pode ser feita diretamente pela execução do comando a seguir ( usando -V ou –version):

zabbix proxy 3.4 - tela de exibição da versao do zabbix proxy

Pós instalação

Após a instalação, todo o serviço é gerenciado pela interface web do PFSense, sem a necessidade de execução de mais códigos.

Agradecimentos

Nós da Verdanatech agradecemos a todas as equipes de desenvolvedores e de usuários que contribuem para que essas excelentes ferramentas possuam a qualidade e utilidade que entregam hoje.

 


About The Author

Halexsandro de Freitas Sales
Halexsandro de Freitas Sales

Ativo no mercado de tecnologia desde 2002. De 2006 a 2015, atuou em empresas de construção civil de grande porte e no segmento de Óleo e Gás, no Brasil e em Angola . Atualmente, trabalha na Verdanatech Soluções em TI (www.verdanatech.com) na área de gestão e desenvolvimento de equipes, desenvolvimento de produtos, e consultoria. Atua como Professor do ensino superior, ministrando disciplinas como: Gerenciamento de Redes, Gerenciamento de Serviços, Programação em Shell Script, Qualidade de Serviços em Redes, Interconexão de Redes de Computadores e ITIL®, Linux LPI 101 e 102, dentre outras. É autor do único livro sobre Service Desk com GLPI em Português: "Central de Serviços com Software Livre: Estruturando uma Central de Serviços com o GLPI" que está em sua 2ª edição.


Related Articles


Comments (8)

  • Juliana Medeiros

    13 de outubro de 2017 09:21
    Porque lançar isso separado ao invés de enviar o código para o projeto? Não é legal ficar instalando pacotes de terceiros em equipamentos de segurança, especialmente pra algo trivial assim.

    Reply


    • Halexsandro de Freitas Sales

      13 de outubro de 2017 15:09
      Olá @juliana, primeiramente, obrigado pelo seu contato. De fato, o ideal é que, ao tratar-se de sistema de segurança, as atualizações venham direto dos fabricantes. Mas, se analisar no texto do artigo, tratamos isso na sessão "Por que este esforço". Quanto a questão de disposição do código fonte, este está disponível para qualquer um no site do Zabbix. O problema é que muitos usuários desta tecnologia, tal como nós da Verdanatech não podem aguardar que o projeto PFSense atualize sua base, fazendo que nossa estratégia seja limitada ao fabricante, tal como acontece em caso de uso de software proprietário. Ainda ontem (12/10/2017) foi lançada a mais nova versão do PFSense (2.4), e esta utiliza da mesma versão do Zabbix agent e Proxy que a Versão de seu antecessor, o que evidencia a necessidade de apoio ao projeto. Eu particularmente já tentei contato para auxiliar o projeto e ser parceiro nisso, mas sequer recebi uma resposta, logo, tomamos a liberdade de fazer desta forma e não só nos beneficiarmos como também beneficiar outros que tenham a mesma necessidade. Claro que fica a cargo de qualquer um usar ou não a solução e o pacote por nós compilado. Mas afirmo ser o mesmo pacote que nós da Verdanatech usamos em nossa empresa e nossos clientes. Abraços, paz e sucesso!

      Reply


      • Juliana Medeiros

        16 de outubro de 2017 14:32
        Oi Halexandro. O pfSense é um projeto open source, então a minha sugestão é que vocês poderiam contribuir com o projeto enviando essa alteração pra lá, assim ficariam com os créditos do desenvolvimento e todos os usuários poderiam se beneficiar. Um outro ponto interessante de levantar é que vocês distribuem o código sob a licença GPL. Caso vocês tenham usado o código do pacote Zabbix atual do pfSense como base para desenvolvimento vocês não podem re-licenciar e devem manter a licença original (Apache 2.0)

        Reply


        • Halexsandro de Freitas Sales

          17 de outubro de 2017 10:34
          Olá novamente @julianaMedeiros, como disse anteriormente, já tentamos contato com a equipe para colaboração. Mas não fomos respondidos. Quanto ao licenciamento, aplicamos a GPL ao nosso projeto (a parte de código que desenvolvemos) e os demais são mantidos em seus formatos originais. Realizamos uma trabalho de engenharia de processos e não reempacotamos os binários do próprio PFSense. Os únicos binários utilizados foram os do Zabbix, que de fato também estão sob a GPL.

          Reply


      • Juliana Medeiros

        17 de outubro de 2017 10:18
        Oi novamente Halexandro, Parece que suas preces foram ouvidas. As versões 2.2, 3.2 e 3.4 foram adicionadas ao pfSense 2.4.1 como você pode ver em: https://github.com/pfsense/pfsense/commit/af0d2a1f923dc82c7be92cecd93f5ce4377755d9

        Reply


  • zxcv1888

    14 de outubro de 2017 13:17
    please help /usr/local/sbin/zabbix_proxy --version Shared object "libkvm.so.6" not found, required by "zabbix_proxy"

    Reply


    • Halexsandro de Freitas Sales

      14 de outubro de 2017 14:34
      Olá @zxcv1888, Não damos suporte pelo blog, tal como informado no post. Mas ao que tudo indica, você deve ter tentado instalar no PFSense 2.4. Esta versão não está homologada ainda. Caso deseje recuperar o seu sistema, basta mandar remover o zabbix via interface de gerenciamento do PFSense e reinstalar a partir dos repositórios oficiais. Grande abraço, paz e sucesso!

      Reply


Leave a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">
*
*